Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Câmara discute aumentar número de ministros do STF

Os deputados querem revidar a decisão do Supremo que suspendeu os repasses de emendas do orçamento secreto
Câmara discute aumentar número de ministros do STF
Foto: Michel Jesus/ Câmara dos Deputados

A decisão do STF que suspendeu o repasse das emendas parlamentares do orçamento secreto gerou uma ofensiva do Congresso contra a Corte, diz a Crusoé.

Na semana passada, a CCJ da Câmara, comandada por Bia Kicis, tentou votar uma proposta que revoga a chamada PEC da Bengala e reduz a idade da aposentadoria compulsória no STF. A aprovação do texto anteciparia a saída de ministros que costumam votar contra o governo.

“Agora, com a articulação de Bia Kicis e com as bençãos do presidente da casa, Arthur Lira, os parlamentares querem retomar o debate de outra PEC, que aumenta de onze para 15 o número de ministros na corte. Com a indicação de quatro novos integrantes por representantes do governo e do Centrão, os aliados do presidente Jair Bolsonaro querem controlar o Supremo Tribunal Federal.”

“Bia Kicis designou o também bolsonarista Luiz Philippe de Orleans e Bragança, do PSL, para relatá-lo. A ideia é pautar o debate no plenário da comissão logo após a votação da proposta de revogação da PEC da Bengala.”

Leia mais aqui.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO