Câmara quer votar decreto da calamidade hoje; no Senado, análise será na terça

Câmara quer votar decreto da calamidade hoje; no Senado, análise será na terça

Enquanto os plenários virtuais não começam a funcionar, o Congresso vive dias de indefinição em relação ao quórum.

Poucos parlamentares estão em Brasília e nem todos se dispõem a ir ao Parlamento.

Rodrigo Maia continua querendo votar hoje, na Câmara, o decreto de calamidade pública em razão da pandemia do novo coronavírus. Saberemos se conseguirá nas próximas horas.

Já no Senado, a avaliação é de que é mais difícil conseguir o quórum presencial. Com isso, o decreto deverá ser o primeiro assunto a ser tratado virtualmente, na próxima terça-feira, quando o sistema do plenário virtual provavelmente estará pronto.

Leia também: Governo Bolsonaro: falta fazer política
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
  • Rosangela -

    O Antagonista+ deve aos seus leitores ouvir o Presidente do Senado a respeito dessa votação. A informação está imprecisa, e precisamos de uma definição em assunto tão importante e urgente.

  • Paulo -

    BANDO DE PICARETA, VAGABUNDOS, CALAMIDADE COM A MORTE ALHEIA, PODE ESPERAR, ENQUANTO VOCES CONTAM AS FORTUNAS. NAO QUEREMOS ISSO, REJEITAMOS, ESTE CONGRESSO DE BADIDOS REUS, CENTRAO, BOTAFODOS, BATURE

  • EDUARDO -

    Se fosse para garantir mais dinheiro para a eleição, haveria votação em dois turnos na Câmara e no senado antes das 20:00 de hoje. Como não achar que são um bando de vagabundos e aproveitadores?

Ler 9 comentários
TOPO