Caos no Instituto Lula

Os defensores de Lula estão em guerra uns com os outros.

Segundo Monica Bergamo, da Folha de S. Paulo, “crescem as divergências sobre as estratégias que devem ser seguidas para o que é considerado por eles um embate jurídico, mas, acima de tudo, político e midiático.

A conduta adotada até agora, de enfrentamento permanente com a mídia, por exemplo, é considerada por alguns um equívoco. E defendida enfaticamente por outros, num evidente racha entre os lulistas mais próximos do ex-presidente”.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200