Cardeal que chamou Lula de "caótico" morre de Covid-19

Cardeal que chamou Lula de “caótico” morre de Covid-19
Foto: Divulgação/CNBB

O cardeal dom Eusébio Oscar Scheid, que foi arcebispo de Florianópolis e do Rio de Janeiro, morreu vítima de Covid-19.

Ele tinha 88 anos.

O bispo católico fez barulho em 2005 ao dizer que o então presidente Lula “era caótico, não católico”. Na época, o petista respondeu assim:

“Eu já fui mais frequentador de igreja do que sou hoje, até porque não tenho mais tempo. Quando vou, eu comungo, não tem nenhum problema. Fui coroinha quando jovem e sou um homem que não preciso provar a cada dia que sou católico ou que creio em Deus.”

Leia mais: Crusoé mostra como a corte do STF volta a ser palco de troca de farpas entre ministros, intrigas e até ameaças após o julgamento da reeleição no Congresso.
Mais notícias
TOPO