Cardozo foi para a AGU para não perder foro privilegiado

O Antagonista soube agora que José Eduardo Cardozo permaneceu no governo apenas para manter o foro privilegiado.

Ele já sabia que seria citado na delação de Delcídio do Amaral.

É a ORCRIM usando as instituições para tentar fugir de Sergio Moro.

Faça o primeiro comentário