Carlos Fernando Lima: Não precisamos de investigação, mas de impeachment

Carlos Fernando Lima: Não precisamos de investigação, mas de impeachment
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Em sua coluna na Crusoé desta semana, o procurador Carlos Fernando dos Santos Lima diz que o país não precisa de uma CPI da Covid, mas do “impeachment imediato de Jair Bolsonaro”.

“Há crimes de responsabilidade suficientes cometidos por essa mediocridade que chamamos de presidente, e o Brasil não tem tempo para o jogo político, senão pura chantagem, que caracterizou, nos últimos anos, os trabalhos dessas comissões. Não se trata de produzir manchetes de jornais, fazer propaganda de presidenciáveis ou de tentar convencer partidários do presidente, mas de salvar vidas e famílias, salvar empregos e dignidade, salvar negócios e o futuro. Enfim, salvar o ano de 2022, pois este – e ainda estamos em abril – já está quase completamente perdido.

Investigar pressupõe que os fatos estejam ocultos, mas a omissão do governo federal e o comando pessoal de Jair Bolsonaro nas decisões que levam ao atual genocídio de brasileiros estão escancarados em seus pronunciamentos preconceituosos, em suas decisões equivocadas, em sua politização da saúde pública, em sua falta de empatia pelo sofrimento humano e completo desprezo pela vida.”

LEIA AQUI a íntegra da coluna; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente.

Leia mais: O furo de reportagem de O Antagonista sobre a mansão comprada por Flávio Bolsonaro em Brasília é dissecado na edição desta semana da Crusoé
Mais notícias
TOPO