Cármen Lúcia é ‘afinada’, diz Alcione

Alcione disse a O Globo ter ficado surpresa com a performance de Cármen Lúcia, que cantou um trecho de “Não Deixe o Samba Morrer” num evento em Brasília ontem.

“Eu não esperava, pois sempre a achei muito séria. E a Cármen Lúcia é afinada, conhece tudo de música brasileira, é uma amante da arte e tem uma grande sensibilidade”, declarou a cantora.

Segundo Alcione, o convite para que ela participasse do seminário “Elas por Elas”, realizado no Supremo, partiu da própria presidente do STF.

A cantora ainda disse, sobre Carminha, Raquel Dodge e outras mulheres que atuam no Judiciário brasileiro: “Tem que respeitar o tamborim delas”.

 

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 28 comentários
  1. Pelo que os brasileiros entendem,quem está LITERALMENTE”SAMBANDO”,somos “nosotros”,mesmo. É simplesmente abissal ás diferentes “Castas brasilienses”.Ao que parece chegamos ao FUNDO do POÇO.

  2. Só lembrando que a referida cantora é defensora e cabo eleitoral daquela família nojenta do Maranhão que mama nas tetas do país há décadas. NOJO dessa cantora e dessa gentinha!

  3. Só lembrando que a referida cantora é defensora do bandidão preso em Curitiba e andou fazendo coro com os sarneyntos, precisa falar mais alguma coisa. Elogio dessa fulana não é grande coisa.

  4. Se a Alcione cantasse aquela MELÔ do STF “Se gritar pega ladrão,não fica um, meu irmão” ela veria como são “AFINADOS” todos daquele bordelão,seria uma correria só!!!

  5. Questiono se a Alcione sabe e concordou em prestar serviço para assedio, represália e cobrança de propina! Qt a Marrom vai ganhar com o balcão do STF para IIIN Togada? Pelo que soube: preta = escrava

  6. Cadê as histórias do Joesley sobre o JEC, Dilmanta e Carminha, hein? Vão voltar à baila depois dessa sambadinha? Como dizia minha vó: tome tento, sua senhora!!! Sapateando na nossa cara!!!

    1. Se trabalhassem para o bem do país seria muito melhor do que sambar, tomar cachaça e manter um monte de bandidos soltos.

    1. Sapateando nas nossas cabeças, tâmufú…Se tivessemos UM general não aliciado, essa farra já tinha terminado.

  7. IN VINO VERITAS. “No vinho, a verdade”. Já diz a célebre frase. Vinho e música, os libertadores de âmagos sufocados. Neste caso e episódio patético, um âmago visivelmente lulista.