“Carregador de documentos”

Numa das conversas grampeadas, Jaques Wagner diz a Lula que pode ser até o seu “carrregador de documentos”.

Valia tudo para livrar Lula da Lava Jato.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler 2 comentários
  1. Esqueceu do limite entre papo de quadrilha sindicalista no privado com um cargo público de ministro. Assim como Lula que chamou o juiz de “o Moro” , o malandro experto que vai sofrer processo, usou termos chulos como chamar pessoas de “o cara”. É o fim da pátria deseducadora.

  2. Se a Constituição prevê prevaricação como crime, então existe pena para isso. Que se aplique a pena e que Jaques Wagner pague pela língua suja que tem.

Os comentários para essa notícia foram encerrados.