Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

White Martins alertou em setembro sobre falta de oxigênio em Manaus

Em uma das cartas, a empresa faltava que não suportaria aumento da demanda
White Martins alertou em setembro sobre falta de oxigênio em Manaus
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

O senador Eduardo Braga (MDB-AM) apresentou há pouco à CPI da Covid duas cartas da White Martins em que a empresa já alertava, em setembro do ano passado, sobre a possibilidade de o estado ter uma crise de abastecimento de oxigênio medicinal.

Como mostramos, em uma das cartas, encaminhada à Secretaria de Saúde no dia 9 de setembro, a empresa afirmou:

“Preocupa-nos que, neste momento excepcional, de tão alta demanda, há possibilidade de termos que tomar a difícil decisão de atender somente os clientes em seus limites [em seus limites contratuais], prazos e condições comerciais contratadas, até porque, muito embora a indiscutível situação de calamidade, que indica uma maior flexibilização nas contratações, em todos os casos persiste a máxima de que qualquer dispêndio público só é possível mediante a formalização de contrato prévio, observadas as hipóteses e justificativas legais.”

Em 16 de julho do ano passado, a empresa enviou uma primeira carta à Secretaria de Saúde afirmando que havia um aumento de demanda de oxigênio. No documento, a empresa perguntou se o governo estadual não adotaria providências, como o aditamento dos contratos.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO