Casa & Câmbio

Os doleiros presos pela Câmbio, Desligo devem atingir políticos e empresários.

Diz a Folha de S. Paulo:

“Foram alvos da operação, na semana passada, o economista Oswaldo Prado Sanches, diretor do grupo Bozano até o mês passado, e Flávio Dib, suspeito de ser o responsável por transações envolvendo a Casa & Video e seu antigo acionista, Luigi Milone.”

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. E NÃO SE ILUDAM!!
    Isso tudo começou em 1955 com os portos lideres em contrabando Santos e Rio de Janeiro; com os Militares em 1964 permaneceu e eram regados com brinquedos, relógios, tênis All star e whiskes.
    Essa corrupção/contrabando é que deixaram e deixa Ricos EMPRESÁRIOS DAs OLIGARQUIAS!
    Com o tempo e a difusão dos sacoleiros a rentabilidade e sofisticação passou para os DOLEIROS.
    Empresários e políticos da oligarquia vigente passaram a roubar o dinheiro dos impostos e ESTATAIS e entregam para os doleiros lavarem nos EUA e Europa….os piratas pós-modernos que dão abrigo a dinheiro roubado do terceiro mundo e fazem carinhas de santos e civilizados.

Ler mais 10 comentários
  1. E NÃO SE ILUDAM!!
    Isso tudo começou em 1955 com os portos lideres em contrabando Santos e Rio de Janeiro; com os Militares em 1964 permaneceu e eram regados com brinquedos, relógios, tênis All star e whiskes.
    Essa corrupção/contrabando é que deixaram e deixa Ricos EMPRESÁRIOS DAs OLIGARQUIAS!
    Com o tempo e a difusão dos sacoleiros a rentabilidade e sofisticação passou para os DOLEIROS.
    Empresários e políticos da oligarquia vigente passaram a roubar o dinheiro dos impostos e ESTATAIS e entregam para os doleiros lavarem nos EUA e Europa….os piratas pós-modernos que dão abrigo a dinheiro roubado do terceiro mundo e fazem carinhas de santos e civilizados.

  2. A questão não é se empresários sonegam impostos realizando importações subfaturadas com a diferença paga ao fornecedor usando doleiros, o que é público e notório, mas como evitar que as colaboração premiada não seja usada como instrumento para aniquilar competidores. O que se percebe nas delações da Lava Jato é que são limitadas ao que o MP quer saber, ao que é útil ao processo — parece existir uma contenção de danos.

  3. O problema não é o capitalismo, é a falta de punição severa. Mostrar que não vale a pena
    roubar. Se necessário for, pena de morte.
    Mas como não vai acontecer…………….podem continuar roubando…………..a justiça perdoa.

  4. Brasil sendo redescoberto depois de 518 anos. Moro e Raquel no lugar de Cabral e o MPF no lugar dos 13 navios. Três ou quatro piratas do STF não conseguirão naufragar essa esquadra.

  5. O empresário brasileiro, na verdade é um sanguessuga dos impostos do povo trabalhador. Uma turma de FDP! Usam o dinheiro do povo, enquanto colocam o deles pra render. Enjaulados talvez parem de usurpar a sociedade.