CCJ do Senado separa votações e abuso de autoridade será apreciado à parte

Na CCJ, senadores chegaram a um acordo: primeiro, serão votadas as medidas contra a corrupção, que incluem, por exemplo, a inclusão do caixa dois e da compra de votos como crimes no Código Eleitoral.

Em seguida, serão apreciados em separado os pontos que tratam especificamente do abuso de autoridade.

Faça de conta que a Lava Jato não existiu. É isso que os inimigos da operação querem. Leia mais

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler comentários
  1. mara disse:

    UHJvamV0byBBYnVzbyBkZSBBdXRvcmlkYWRlLCBtYWlzIHVtYSBhYmVycmHn428gZG9zIGNhbmFsaGFzIGRvIFNlbmFkbywg82J2aW8gb3MgY29ycnVwdG9zIHNlbSBk+nZpZGEuICBRdWVyZW0gY2FsYXIgbyBNUEYgZSBvcyBKde16ZXMgZSBhY2FiYXIgY29tIGEgTGF2YSBKYXRvIC4gQkFORElET1MgISEhIEFndWFyZGVtIGFzIHVybmFzLiA=