Celso vota com Fachin

Celso de Mello votou com a maioria: Edson Fachin relator e com poder para homologar a delação da JBS.

O placar, portanto, está 10 a 0 para manter Fachin na relatoria. Sobre a competência do relator para homologar o acordo, 9 a 1 — Gilmar Mendes abriu divergência.