Charles Capella intimado

A PF intimou Charles Capella, informa o Estadão. Ele será ouvido nesta quinta-feira.

Assessor especial da Casa Civil, Charles Capella foi acusado de receber 2 milhões de reais em propina para a campanha de Dilma Rousseff, em nome de Antonio Palocci.

Ele foi acusado também de gerir, juntamente com Edinho Silva, o esquema de notas frias de gráficas fantasmas – em particular, a VTPB – durante a campanha de 2014.

Faça o primeiro comentário