Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Chefe de gabinete de Queiroga se defende de B.O. de Mayra Pinheiro

João Lopes disse que estava apenas usando um jargão evangélico quando falou que Mayra deveria tomar cuidado porque ia ver "a mão de Deus" sobre ela
Chefe de gabinete de Queiroga se defende de B.O. de Mayra Pinheiro
Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado

João Lopes de Araújo Júnior, chefe de gabinete de Marcelo Queiroga, disse que não ameaçou Mayra Pinheiro, secretária de Gestão do Trabalho do Ministério da Saúde.

Na semana passada, Mayra apresentou um boletim de ocorrência contra o colega. Segundo a secretária, João Lopes disse que ela deveria ter cuidado e se preparar, porque “vai ver a mão de Deus” sobre ela.

Para o chefe de gabinete de Queiroga, Mayra é infiel ao ministro.

Segundo a CBN, João Lopes disse, em nota, que, quando falou em “mão de Deus”, estava apenas “usando um jargão evangélico”.

“Até alguns dias atrás, de modo conjunto, aliás, tais jargões são conhecidos no cenário nacional, tal qual: ‘tá amarrado’, ‘crendeuspai’, etc.”

João Lopes também diz que sempre foi amigo confidente de Mayra e que não há racha no Ministério da Saúde. Apesar disso, afirmou que ela pode ser investigada por falsidade ideológica, comunicação falsa de crime e denunciação caluniosa.

Mais notícias
TOPO