ACESSE

Cheques a mais para Michelle 'exigem a devida investigação', diz senador

Telegram

Delegado de polícia, o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) disse a O Antagonista que os cheques a mais depositados por Fabrício Queiroz para Michelle Bolsonaro, revelados pela Crusoé, “exigem a devida investigação”.

“São fatos graves, que exigem a devida investigação e um rápido esclarecimento”, afirmou.

Desde o ano passado, Jair Bolsonaro sustenta que Queiroz teria depositado 10 cheques de R$ 4 mil na conta de Michelle para pagar um empréstimo.

Os dados bancários de Queiroz, revelados pela Crusoé, mostram que foram 21 cheques, que somam R$ 72 mil. De 2007 a 2018, Bolsonaro não fez qualquer depósito para ele.

Assine a revista e leia aqui a reportagem.

Leia mais: Exclusivo: a imprensa livre na mira

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 60 comentários