ACESSE

Chumbo grosso em Mato Grosso

Telegram

Citado na delação premiada de Silval Barbosa, o seu antecessor no governo de Mato Grosso, Pedro Taques disse ao Estadão que Silval “roubou 1 bilhão de reais, devolve 76 milhões e vai ficar dois anos em prisão domiciliar na sua cobertura”.

Pedro Taques afirmou ainda que “hoje saiu a notícia de que a mulher dele roubou dinheiro de caixão de defunto, de óculos, de dinheiro para criança aleijada”.

Para completar, o governador disse que “o tapete da sala que eu ocupo era diferente. Roubou o tapete!”.

O chumbo é grosso em Mato Grosso.

Comentários

  • ernani -

    Oooooiiii!!!!! Então Taques sabia que Silval roubava? E não denunciou? Sabia até os valores roubados? E está solto? Brasil, país de merd*!

  • analu -

    Essa história de devolver 7% do roubo estava evidente. Não sei como PF e MPF estão caindo nessa conversa. É o percentual das comissões....

  • Pangloss -

    Essa parece ser a regra, pois não? Ou alguém está achando que os que contribuem com a MP estão saindo de mãos vazias?

Ler 12 comentários