Cidadania aciona PGR e diz que Pazuello pode ter cometido crime

Cidadania aciona PGR e diz que Pazuello pode ter cometido crime
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O partido Cidadania acionou a Procuradoria-Geral da República para que Eduardo Pazuello seja investigado em razão da situação da pandemia da Covid-19 no Amazonas.

A representação, à qual O Antagonista teve acesso, cita reportagens indicando que o Ministério da Saúde fora alertado de que faltaria oxigênio nos hospitais.

“No entanto, nenhuma medida preventiva foi adotada pelo Ministério da Saúde, permanecendo a pasta comandada pelo representado inerte, aguardando o caos que era anunciado.”

O Cidadania sustenta que “é plausível cogitar-se do crime de prevaricação por parte do Ministro da Saúde, ora representado, bem como de seus auxiliares”. Além disso, o partido defende que “pode estar caracterizada a prática de ato de improbidade administrativa”.

“Trata-se de uma questão gravíssima, tendo em vista as terríveis consequências humanitárias e até mesmo civilizatórias do quadro apocalíptico vivido pela sofrida população amazonense.”

Leia mais: Crusoé revela com exclusividade como o diretor-geral da ABIN, Alexandre Ramagem, enviava por WhatsApp para Flavio Bolsonaro os relatórios produzidos clandestinamente para orientar sua defesa no caso da rachadinha.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO