Cidadania aciona PGR e diz que Pazuello pode ter cometido crime

Cidadania aciona PGR e diz que Pazuello pode ter cometido crime
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O partido Cidadania acionou a Procuradoria-Geral da República para que Eduardo Pazuello seja investigado em razão da situação da pandemia da Covid-19 no Amazonas.

A representação, à qual O Antagonista teve acesso, cita reportagens indicando que o Ministério da Saúde fora alertado de que faltaria oxigênio nos hospitais.

“No entanto, nenhuma medida preventiva foi adotada pelo Ministério da Saúde, permanecendo a pasta comandada pelo representado inerte, aguardando o caos que era anunciado.”

O Cidadania sustenta que “é plausível cogitar-se do crime de prevaricação por parte do Ministro da Saúde, ora representado, bem como de seus auxiliares”. Além disso, o partido defende que “pode estar caracterizada a prática de ato de improbidade administrativa”.

“Trata-se de uma questão gravíssima, tendo em vista as terríveis consequências humanitárias e até mesmo civilizatórias do quadro apocalíptico vivido pela sofrida população amazonense.”

Leia mais: Crusoé revela com exclusividade como o diretor-geral da ABIN, Alexandre Ramagem, enviava por WhatsApp para Flavio Bolsonaro os relatórios produzidos clandestinamente para orientar sua defesa no caso da rachadinha.
Mais notícias
TOPO