Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Cidadania chama Araújo de 'lunático' e pede sua saída do MRE

O partido Cidadania pediu hoje a demissão de Ernesto Araújo do cargo de ministro das Relações Exteriores.

Em nota assinada pelo presidente nacional do partido, Roberto Freire, e pelo deputado federal Marcelo Calero (RJ), o Cidadania chama o ministro de “lunático”. O partido chama de “artigo paranoico” o texto publicado pelo ministro em seu blog sobre o “comunavírus”. Araújo fez uma resenha de um novo livro do filósofo esloveno Slavoj Zizek, famoso intelectual de esquerda.

No livro, Zizek sustenta que a pandemia mostra “a necessidade urgente de uma reorganização da economia global que não esteja mais sujeita aos mecanismos do mercado”, uma “organização global” que “possa limitar a soberania dos Estados nacionais quando seja necessário”.

A nota do Cidadania afirma: “Em vez de gastar seu tempo ajudando em negociações internacionais para a aquisição de equipamentos médicos, a compra de testes confiáveis de detecção do [novo] coronavírus ou o compartilhamento das melhores práticas na contenção da doença, Ernesto Araújo vai na contramão do mundo civilizado ao dedicar seu tempo a ataques à Organização Mundial da Saúde”.

“O des-ministro revela-se, em sua forma mais contundente, um incapacitado completo, capaz de atuar contra os mais sagrados interesses nacionais sem qualquer pudor ou cerimônia”, acrescenta o partido.

Também hoje, o deputado federal Fausto Pinato (PP-SP), presidente da frente parlamentar Brasil-China, afirmou que acionará o STF contra Ernesto Araújo.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO