Cinco deputados saem do PSB antes de ser expulsos

Cinco deputados, incluindo o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, desfiliaram-se do PSB hoje, informa a Coluna do Estadão.

A desfiliação acontece três dias antes da reunião em que eles deveriam ser expulsos do partido, marcada para esta sexta (27). Todos votaram a favor da reforma trabalhista do governo Temer, contrariando a orientação do PSB.

Os cinco –Coelho, Tereza Cristina, Fábio Garcia, Danilo Forte e Adilton Sachetti– estudam migrar para o DEM.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 12 comentários
  1. Ideologia socialista , ptralista e comunista .
    A esquerda optou por sabotar as reformas e a economia
    isso não é ideologia e antipatriotismo é crime de lesa pátria .
    As reformas como todas em todo planeta , sempre terão bons
    e maus efeitos , amenidades e excrescências , cabe aos partidos
    e políticos , ganham pra isso , sentar e procurar um consenso com
    bom senso , o governo se mostrou flexível , mas a oposição oportunista
    optou pelo confronto ” Não sentamos na mesa com golpistas ”
    Preferiram o discurso fácil e mentiroso de defender os frascos e comprimidos
    preferiram comprar uma denuncia , mesmo sabendo que não tem número
    para derrubar o governo , mesmo obstruindo a pauta de votações
    imprescindíveis para sairmos da maior crise econômica da história
    mesmo sabendo da situação de 14,5 milhões de desempregados
    mesmo sabendo da situação dos ex empresários que fecharam
    100.000 empresas durante o governo Dilma .

  2. Uma vergonha a política, os políticos e a politicagem no Brasil. Não existe fidelidade partidária, o que existe é a fidelidade do próprio bolso, só querem se dar bem, como o personagem Justo Veríssimo, mas estamos de olho aberto seus canalhas, mau caráter. 2018 aguardem o troco. Não votar em ninguém. Bolsonaro vai se acostumando e não se junte a essa turma de cretinos.

    1. Claudio , o PSB optou pela demagogia
      e engrossa o coro dos Ptralhas
      entre apoiar as reformas e a equipe econômica
      e segurar Temer até 2018 , cumprindo o acordo do impeachment
      preferem apoiar os Ptralhas e sabotar a economia .

  3. O DEM vai aceitar esse BANDO de COMUNISTAS ligados ao FORO DE SÃO PAULO?
    Depois que o Rodrigo Maia se aliou ao Orlando Tapioca e ao Aldo Rebello do PCdoB tudo é possível!