Ciro Gomes diz que é preciso ser 'muito homem' para derrubá-lo

Telegram

Ciro Gomes esteve hoje na 16ª Marcha dos Vereadores, em Brasília, e disse no evento que, se for eleito presidente, não será tarefa fácil derrubá-lo do cargo.

“Se vocês deixarem, vão me derrubar. [Mas] Não vai ser fácil, não, porque não sou a Dilma [Rousseff], sou do ramo. Tu acha que um marginal como Eduardo Cunha me derrubaria? É preciso ser muito mais homem do que eu para me derrubar”, declarou o presidenciável do PDT.

Salvo engano, isso é o que a esquerda costuma classificar de machismo –quando não vem de um dos seus adeptos.

Comentários

  • Fredao -

    Minha nossa, o "candidato" já está prevendo que vai tomar um impeachment pela frente ? Ele nem passou para o 2o. Turno. Nem se elegeu Presidente. E já tem certeza que vai ser seriamente confrontado. Que raio de candidatura é essa ?

  • RAFABALA -

    MACHÃO DE ARAQUE, SEU NEGÓCIO É BATER EM MULHER SEU COVARDE VAGABUNDO, SUBA NUM PALANQUE AQUI EM SÃO PAULO QUE VOCÊ VAI VER O TAMANHO DO TOMBO, OTÁRIO....

  • Erigilson -

    Nem sequer registrou a sua candidatura e já fala em deposição. Ele está indo concorrer à Presidência da República e/ou se prepara para enfrentar os membros do MST? Pega por favar demais. Esculhambou com Lula e foi Ministro dele.com Dilma e foi para CSN. Queria vê-lo num bebate com Roberto Jeferson

Ler 146 comentários