Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

CNJ inspeciona gabinetes de desembargadores suspeitos de corrupção no TJRJ

A corregedora nacional de Justiça, Maria Thereza de Assis Moura, determinou a realização do procedimento em gabinetes de sete desembargadores
CNJ inspeciona gabinetes de desembargadores suspeitos de corrupção no TJRJ
Foto: Brunno Dantas/TJRJ

O Conselho Nacional de Justiça determinou nesta segunda-feira (23) a realização de uma inspeção extraordinária nos gabinetes de sete desembargadores e de uma juíza do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. Eles são suspeitos de integrar um esquema de corrupção.

O procedimento atinge os gabinetes de Adriano Celso Guimarães, Cherubin Helcias Schwartz Junior, Guaraci Campos Vianna, Helda Lima Meireles, José Carlos Maldonado de Carvalho, Marcos Alcino de Azevedo Torres e Mario Guimarães Neto e da juíza Roseli Nalin.

A medida foi autorizada pela corregedora nacional de Justiça, ministra Maria Thereza de Assis Moura.

Na decisão, a ministra cita matéria suspeitas de supostas vendas judiciais em favor de empresas do setor de transportes presentes na delação premiada do ex-presidente da Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Rio, Lélis Teixeira.

Mais notícias
TOPO