ACESSE

CNMP abre investigação contra promotores que denunciaram Alckmin e Haddad

Telegram

Orlando Rochadel, o corregedor nacional do Ministério Público, mandou abrir reclamação disciplinar contra Wilson Coelho, Marcelo Mendroni e Ricardo Castro, promotores do MP-SP, informa o Estadão.

Rochadel atendeu a Luiz Fernando Bandeira de Mello, conselheiro do CNMP e aliado de Renan Calheiros. Incomodado com algumas investigações, Bandeira de Mello havia solicitado à corregedoria que apurasse a “regularidade da instrução de feitos que possam ter impacto nas eleições de 2018”.

Os três promotores em questão são os que denunciaram Fernando Haddad e Geraldo Alckmin recentemente. A reclamação disciplinar não alcança os promotores e procuradores que investigam Beto Richa.

Como já publicamos, a força-tarefa da Lava Jato reagiu repudiando “qualquer indevida tentativa de constranger o Ministério Público”.

Comentários

  • Léo -

    Tem que investigar esses promotores tbm sim. Se tiver parcialidade ou má intenção tem q penalizar, se tiver previsto em lei.

  • Silvana -

    Se esses políticos corromperam ou foram corrompidos, o povo tem o direito de saber, pois nao podemos reeleger maus políticos! Os promotores estão fazendo o seu papel. Errado está quem é contra!

  • Emerson -

    PT e PSDB juntinhos mais uma vez. Com a ajuda do Bandeira de Mello, menino do Renan Calheiros (MDB). E com a mãozinha do Petista Rochadel, tudo com as bênçãos do Gilmar Mendes (PSDB).

Ler 103 comentários