ACESSE

Coaf produz número recorde de relatórios

Telegram

O Coaf registrou no primeiro semestre deste ano um recorde histórico de produção de relatórios de inteligência. Foram 5.840 RIFs produzidos entre janeiro e junho de 2020.

Apenas em junho, foram 1.119 relatórios como o enviado ao Ministério Público do Rio de Janeiro sobre as transações atípicas de Fabrício Queiroz, diz a Crusoé.

O número é recorde se comparado com o mesmo mês nos últimos seis anos.

Em junho de 2015, no auge da Lava Jato, por exemplo, foram produzidos 390 RIFs, como são chamados os relatórios de inteligência. 

No mesmo período do ano passado, foram 876 e, em 2018, 452.

Leia na Crusoé.

Leia mais: O caso Flávio Bolsonaro-Queiroz: até onde a investigação pode chegar? Clique para saber mais

Comentários

  • Daniel -

    Ué, mas não estava tudo acabado, JB acabou com o COAF, acabou o combate a corrupção, não era essa a narrativa? Mudou então???

  • Claudio -

    Parabéns Presidente Bolsonaro!

  • Sonia -

    Por isso Aras precisa parar a COAF e a lava jato ,quem vai blindar os corruptos ?

Ler 66 comentários