Coaf também pegou transferência para ex-assessora de Jair Bolsonaro

O Coaf vincula transferências entre Fabrício Queiroz e sua filha Nathalia Queiroz no valor de R$ 84 mil. Ela trabalhou no gabinete de Jair Bolsonaro até outubro deste ano, informa o Estadão.

Ex-motorista de Flávio Bolsonaro na Alerj, Fabrício Queiroz fez movimentações atípicas de R$ 1,2 milhão em sua conta entre 2016 e 2017. Ele também deixou o cargo em outubro.

O órgão identifica transações suspeitas, aparentemente incompatíveis com a renda, mas não necessariamente ilícitas.

Comentários

  • Felipe -

    Interessante que o Coaf nunca achou as movimentações do Lula e seus familiares. Bilhões ou trilhões movimentados. Um orgão bem rasteiro.

  • Trumpão -

    Esquerdista, vc está lendo? Calma, que iremos DESTRUÍ-LOS. Aproveite enquanto pode, verme. O massacre e humilhação que irão sofrer está apenas começando.

  • Trumpão -

    A última frase diz o mais importante.

Ler 366 comentários