Cobrada pelo Butantan, Saúde diz que responderá sobre compra de vacina no prazo contratual

Cobrada pelo Butantan, Saúde diz que responderá sobre compra de vacina no prazo contratual
Foto: Tchélo Figueiredo/Secom/MT

Cobrado pelo Instituto Butantan por uma resposta sobre a intenção de compra do lote adicional de 54 milhões de doses da Coronavac, o Ministério da Saúde afirmou em nota nesta quarta-feira, 27, “que irá se pronunciar no prazo oficial do contrato”.

Na prática, a pasta sinaliza que pode adiar a palavra final até meados de maio, ignorando a urgência levantada pelo instituto ligado ao governo de São Paulo.

LEIA MAIS na Crusoé; assine a revista e apoie o jornalismo independente.

Leia mais: A causa desse desgoverno é política, como mostra a Crusoé desta semana.
Mais notícias
TOPO