Coitado do Moro

Coitado do Moro
Foto: Adriano Machado/Crusoé

O Conselho Federal da OAB vai pedir a Sergio Moro esclarecimentos sobre seu novo trabalho na consultoria internacional Alvarez & Marsal. O objetivo é saber se sua função terá alguma relação com a advocacia e onde se dará a prestação do serviço.

Moro foi anunciado pela empresa como diretor-executivo em São Paulo. E atuará no setor de investigações e compliance.

O ex-ministro já esclareceu publicamente que seu trabalho não tem relação com advocacia e que firmou contrato com cláusula que não lhe permite atuar em casos de potencial conflito de interesses.

A opção pelo mercado privado afasta Moro da vida pública, o que deveria reduzir o assédio político. Deveria.

Leia mais: A revista que fiscaliza TODOS os poderes e conta com os melhores colunistas do Brasil.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 209 comentários
TOPO