Com dinheiro da Câmara, Daniel Silveira contratou empresa de vigilância sem registro na PF

Com dinheiro da Câmara, Daniel Silveira contratou empresa de vigilância sem registro na PF
Foto: Câmara dos Deputados

O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) contratou, com dinheiro da Câmara, uma empresa de vigilância sem registro na Polícia Federal para realizar a sua segurança pessoal.

Desde maio de 2019, Silveira repassa mensalmente R$ 8 mil à Global Company, de Petrópolis (RJ). A empresa tem como proprietário o lutador de Krav Maga Carlos Eduardo Passos de Paula, amigo do deputado desde 2005. As informações são do jornal O Globo.

Leia mais: A prisão do deputado Daniel Silveira, que ofendeu ministros do STF num vídeo, é mais um capítulo da avacalhação da democracia brasileira.
Mais notícias
TOPO