'Com o rosto vermelho', Lewandowski fez ameaça a Toffoli

Telegram

Na Época, a repórter Carolina Brígido relata a conversa que Ricardo Lewandowski e Dias Toffoli tiveram no evento de que participaram em São Paulo, hoje.

O presidente do STF, segundo a revista, disse ao colega que levaria ao plenário o caso da entrevista de Lula à Folha, autorizada por Lewandowski e vetada depois por Luiz Fux.

“Foi quando o sangue de Lewandowski subiu. Com o rosto vermelho, disse a Toffoli que, se o caso fosse levado ao plenário, ele denunciaria o desvio de poder que tomou conta do STF”, escreve a Época.

Você está acompanhando o movimento de bastidores para libertar Lula? Entenda o caso AQUI

O ministro também disse ao presidente do STF que “pensasse bem” antes de levar o processo ao plenário, porque ele não ficaria calado. Sempre de acordo com a revista, Lewandowski “ainda estava com o semblante transtornado” quando deixou a sala.

Mais tarde, o ministro deu nova decisão e reafirmou a autorização para que o jornal entreviste o presidiário.

Comentários

  • Paulo -

    O Brasil odeia o STF, é muito bolivariano! Tem que mudar tudo nele!

  • Demétrius -

    Ué LevandoOvisqui, mas e o tal ATIVISMO JURÍDICO?????? Agora não vale????

  • Jev -

    Vou comprar mais pipoca!

Ler 406 comentários