Com propina mensal, Pezão não precisava de bancos

Telegram

Análise das quebras do sigilo bancário de Luiz Fernando Pezão, preso na semana passada, mostram que o governador realizou apenas 11 saques de suas contas oficiais ao longo de oito anos.

Esses saques, aliás, se intensificaram após a prisão de Sergio Cabral. As investigações mostram que Pezão embolsou pelo menos R$ 40 milhões em propina.

Comentários

  • Marcio -

    tem de pegar e o povo do judiciário ,desembargadores e juízes. porra e ladrão demais ,ninguém aguenta.

  • Alexandre -

    Seu apelido deveria ser “mãozão” e não pezão. Ladrão fdp....

  • Luis -

    A violência no Rio está mais do que explicada. Com governadores como Garotinho, Cabral,e Pezão, bandidassos, imagine o que está abaixo. Falta muita gente ainda. Mas, quando se corta a cabeça...

Ler 19 comentários