Com receio de CPI, Bolsonaro tenta aproximação com Renan Calheiros

Com receio de CPI, Bolsonaro tenta aproximação com Renan Calheiros
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Às vésperas da instalação da CPI da Covid, Jair Bolsonaro iniciou um processo de aproximação com o senador Renan Calheiros (MDB-AL), provável relator da investigação.

Hoje pela manhã, Bolsonaro ligou para o filho de Renan, o governador de Alagoas, Renan Filho (MDB). Segundo integrantes do Palácio do Planalto, Bolsonaro colocou o governo federal à disposição do governo de Alagoas no processo de combate ao novo coronavírus.

“É evidente que o presidente tem uma relação com o governador de Alagoas, mas é uma questão administrativa. Não vejo nenhum problema nisso. Do ponto de vista da CPI, o nosso propósito é fazer uma investigação profunda, criteriosa, isenta, em busca da verdade, para darmos à sociedade as respostas que a sociedade toda cobra. Eu não tenho a menor dificuldade de conversar com ninguém (nem com Bolsonaro). O presidente nunca me telefonou”, disse Renan Calheiros em entrevista à GloboNews.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO