Com voto de Kassio, STF arquiva investigação sobre petista na Lava Jato

Com voto de Kassio, STF arquiva investigação sobre petista na Lava Jato
Foto: Fellipe Sampaio /SCO/STF

Com o voto de Kassio Marques, a Segunda Turma do STF arquivou hoje investigação na Lava Jato sobre o senador Humberto Costa (PT-PE).

O inquérito apurava suposto recebimento de R$ 1 milhão, para sua campanha eleitoral, em troca de atuação em obras do Complexo Petroquímico de Suape em favor da Odebrecht.

Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski votaram, no ano passado, a favor do arquivamento. Edson Fachin e Cármen Lúcia votaram pela continuidade das investigações na Justiça Eleitoral de Pernambuco.

Na sessão de hoje, Kassio Marques acompanhou Gilmar Mendes.

“Após transcorridos mais de cinco anos de investigação, inexistindo nos autos indícios que possam corroborar os depoimentos pelo delator, não vejo como continuar com o trâmite desse inquérito, quer nessa Corte, quer no Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco”, disse Kassio.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
TOPO