Com voto de Nicolao Dino, CNMP prorroga Greenfield por 1 ano

O Conselho Superior do MPF decidiu prorrogar por mais um ano os trabalhos da força-tarefa da Operação Greenfield, que investe sobre o futuro ministro da Economia, Paulo Guedes.

Relator do caso, o subprocurador-geral da República Nicolao Dino defendeu a renovação do prazo. Irmão do governador do Maranhão, ele alegou que não se trata de “um caso específico”.

“Eu ressalto que esse caso é imenso. São vários desdobramentos. Estamos tratando de todos os casos que envolvem desvios nos fundos de pensão”, disse.

Ah, bom.

Reforma da Previdência, privatizações, Bolsa Família... Saiba o que Bolsonaro deve fazer AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler comentários
  1. Pedro disse:

    Estranho, esse Nicolao é coladinho no Rodrigo Janot.

  2. Djalma disse:

    Vagabundo está fazendo trabalho sujo para o irmão,

  3. Brasil disse:

    O CNMP é um órgão político, com forte tingimento de vermelho.

  4. Penélope disse:

    Vamos precisar de mais Jipes e mais 1 cabo e 1 soldado !

  5. Ferreti disse:

    Vão fundo, mas investiguem todos. Fundos de pensão foi onde Lula também meteu a mão grande.

  6. Amapaense disse:

    O cara é irmão do governador comunista/petralha do Maranhão, agora está explicada essa história contra o Paulo Guedes!

  7. Amapaense disse:

    Está na hora de colocar judiciário e MP nas suas respectivas caixinhas...

  8. Carlos disse:

    Como esses pentelhos comunistas não param de encher o saco..., babacas o pt perdeu.

  9. Silvando disse:

    Conta outra, quer ficar com esse blá, blá, o ano inteiro para desgastar o cara, se tiver algo crível que formule a denuncia; caso contrário para de enrolar.

  10. Márcia disse:

    Vale denuncia sobre propina "lavagem de enxoval" para gerentes do antigo Blue Tree Angra dos Reis, hoje Vila Galé, na gestão do Guilherme Lacerda? Tenho um contratinho onde isso está claro e evid

  11. Marco disse:

    Justiça partidária de encomenda. Lava toga é para ontem!

  12. Eduardo disse:

    Não se viu O Antagonista armar berreiro ou fazer comentariozinhos como "Ah, bom" quando Barroso prorrogou sabe-se lá quantas vezes o Inquérito dos Portos. Por que será? É só uma pergunta.

  13. Ciro_Bolsonarus disse:

    Guedes não chega até o final do primeiro semestre do ano que vem.