Como anda a investigação dos 'influencers do PT' que espalhavam mentiras nas redes?

Telegram

O Antagonista questionou o Ministério Público em Minas Gerais sobre o andamento do inquérito que apura o pagamento ilegal de influenciadores digitais pelo PT.

Os “cybermortadelas do PT” eram pagos para divulgar mentiras favoráveis a candidatos petistas e desfavoráveis aos adversários.

Infelizmente, a resposta do MP Eleitoral foi apenas: “O caso está sob sigilo”. O procurador Bruno Nominato, que comanda a investigação, precisa se manifestar.

Você conhece o QG bolsonarista em Brasília? Saiba mais AQUI

O esquema – denunciado por uma integrante – beneficiou, entre outras, a pré-candidatura de Lula e as campanhas da senadora Gleisi Hoffmann (eleita deputada) e do governador do Piauí, Wellington Dias (reeleito).

Quem está por trás dos ‘cybermortadelas’ do PT

Comentários

  • Vinicius -

    Eu estive pensando mais ou menos isso. Não saiu uma informação de que o maior responsável por alavancar a ida do Novo ao segundo turno em Minas havia sido o próprio diretório do PT ao comprar pa

  • Sam -

    Pessoal é simples; votaremos 17 no dia 28 e GAME OVER para o PT!

  • Ricardo -

    Bolsonaro soltou um traque no elevador: pena de.morte!!!!Lula e sua quadrilha roubaram Bulhões de reais: "as coisas são assim mesmo", "outro q entrar tb roubará", "falam isso só pq ele toma c

Ler 122 comentários