'Como é que vai pagar esse troço?', diz Mourão após decisão do STF sobre ICMS

O vice-presidente defendia a inclusão do ICMS no cálculo do PIS/Cofins só a partir da data do julgamento
Como é que vai pagar esse troço?, diz Mourão após decisão do STF sobre ICMS
Foto: Alan Santos/PR

O vice-presidente Hamilton Mourão criticou a decisão do STF desta quinta-feira (13) que excluiu o ICMS do cálculo do PIS/Cofins desde 2017.

A decisão representou uma derrota para a União, que queria que a redução nas contribuições valesse a partir a data do julgamento.

Ao chegar à vice-presidência nesta sexta-feira (14), Mourão disse que não haverá como pagar.

“É um problema sério porque o passivo vai ficar aí na faixa, segundo Ministério da Economia, de mais de R$ 200 bilhões. Como é que vai pagar esse troço?

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO