ACESSE

Confusão do Ministério da Saúde com emendas irrita parlamentares

Telegram

O Ministério da Saúde, sob o comando de Eduardo Pazuello, cometeu um erro na liberação de recursos para municípios que irritou parlamentares.

A pasta deixou de discriminar o que era dinheiro da União para combate à Covid-19 e o que era dinheiro de emenda parlamentar –e, claro, de qual deputado ou senador o recurso foi empenhado.

Assim, quando os recursos chegaram às Prefeituras, os parlamentares não conseguiam demonstrar que eles tinham sido os responsáveis pela liberação do dinheiro, pois estava marcado apenas “recursos para combate à Covid-19”.

Diante da confusão, deputados começaram a se aproximar de Pazuello na semana passada, para reclamar da situação. Culparam sua inexperiência na política.

Ontem, secretários do Ministério da Saúde enviaram mensagem a alguns parlamentares dizendo que as emendas impositivas distribuídas serão identificadas e renomeadas.

Leia mais: Gilmar Mendes x militares: conheça os bastidores do caso aqui.

Comentários

  • Sou -

    Parlamentares de esquerda burra, condenados, delatados e indiciados do congresso nunca entendem nada senão quando enchem o bolso de grana suja ou não. Triste país.

  • Carlos -

    Tem que ter o nome do parlamentar para ele gritar nos palanques da proxim a eleição. E o dinheiro nem é usado contra a covid 19. Vai para outras pastas.

  • Hermani -

    Não existe dinheiro parlamentar, é dinheiro público dos impostos pagos pelos brasileiros, quem é deputado ou senador, vou mandar resposta no seu Twitter?

Ler 28 comentários