Congresso contra o Rio

Telegram

A intervenção no Rio de Janeiro pode ser interrompida para permitir a votação de emendas constitucionais no Congresso.

Raul Jungmann não concorda com isso.

Ele disse para a Folha de S. Paulo:

“Não vejo motivos para suspender algo que está indo bem e que vai apresentar resultados cada vez mais palpáveis”.

Raul Jungmann faz muito bem.

O plano dos parlamentares é interromper a intervenção para aprovar uma PEC que os imunize contra a Lava Jato e garanta foro especial a ex-presidentes, em particular a Lula e Michel Temer.

Comentários

  • simon. -

    CORJA DE VAGABUNDOS,RATOS DE ESGOTOS IMUNDOS.

  • Cacevo -

    Qual á a lógica de se ter foro privilegiado para ex-presidentes?

  • simone -

    emendas constitucionais ou especificamente sobre o foro privilegiado

Ler 44 comentários