"Congresso virtual é como amor virtual: não funciona"

“Congresso virtual é como amor virtual: não funciona”
Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

O senador Oriovisto Guimarães (Podemos) deu sua opinião sobre a polêmica possibilidade de as sessões remotas no Senado continuarem mesmo após o fim da pandemia da Covid-19.

“Sou absolutamente contrário. Essa prática das sessões virtuais apequena o mandato dos senadores e concede poder indevido e em excesso ao presidente e aos líderes. Basta lembrar que os trabalhos nas comissões deixam de existir.”

Para o senador do Paraná, “eternizar essa prática seria o mesmo que acabar com Legislativo como o conhecemos”.

“Congresso virtual é como amor virtual: não funciona.”

A nota de Antonio Anastasia (PSD), relator das mudanças no regimento interno, tentando explicar a proposta de sessões remotas no Senado mesmo após o fim da pandemia da Covid-19 não esfriou os ânimos nos bastidores sobre esse assunto.

Leia mais: Combo Crusoé e O Antagonista+: comece a ler por apenas R$ 1,90
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 17 comentários
TOPO