ACESSE

Conjecturador Geral da República

Telegram

As acusações sem provas de Augusto Aras contra a Lava Jato viraram piada nos corredores do Ministério Público. O PGR está sendo chamado de “Conjecturador Geral da República”.

As feitas nos últimos dias podem ser resumidas assim:

“É possível que o sistema de eleições da ANPR (pelo qual ele se elegeu conselheiro anos atrás) tenha sido fraudado, é possível o uso das bases de dados para extorsão, é possível colocar um cabo nos equipamentos e copiar os dados, é possível que alguém pule a janela e invada a sede do MPF em Curitiba (onde estão os 350 terabytes de arquivos), é possível que entre os 50 mil procedimentos ‘ocultos’ de todo MPF tenha havido algo errado etc.”

Talvez comecem a conjecturar sobre a atuação do próprio Aras à frente do MP.

Leia mais: A 'paz conveniente' reina em Brasília: por que eles saem da crise ganhando

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 81 comentários