Conselho de administração da Petrobras sofre sua quinta baixa

Conselho de administração da Petrobras sofre sua quinta baixa
Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O advogado Leonardo Pietro Antonelli comunicou à Petrobras que não aceitará a renovação de seu mandato como representante do governo no conselho de administração da estatal, registra a Folha.

É a quinta baixa no colegiado desde que Jair Bolsonaro anunciou a demissão de Roberto Castello Branco e sua substituição pelo general Joaquim Silva e Luna.

Antonelli ocupa uma das oito cadeiras do conselho destinadas à União desde julho de 2020. Embora o governo tenha proposto a recondução de seus representantes, outros quatro conselheiros já haviam anunciado ontem que não têm interesse em permanecer.

Como foram eleitos em bloco, todos os representantes do governo no conselho terão o mandato interrompido automaticamente na próxima assembleia de acionistas da companhia, que será convocada para substituir Castello Branco por Silva e Luna.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO