Caso Aécio: ‘Impõe-se a conclusão pela absoluta inadmissibilidade da representação’

Como noticiamos, sem nenhuma surpresa, o Conselho de Ética arquivou o caso Aécio Neves.

O Antagonista teve acesso a trechos do parecer acatado pelo presidente João Alberto Souza:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Bom, esse resultado ja era sabido…..Se o mandato é popular, um conselho do povo é que deveria fazer esse julgamento e não o conselho de ética do senado. Aécio foi pego com a boca na botija, pedindo propina ao empresário ladrão da JBS.

Ler mais 22 comentários
  1. Bom, esse resultado ja era sabido…..Se o mandato é popular, um conselho do povo é que deveria fazer esse julgamento e não o conselho de ética do senado. Aécio foi pego com a boca na botija, pedindo propina ao empresário ladrão da JBS.

  2. INADMISSÍVEL é um Senador da República manter conversa rasteira, repleta de termos chulos e brincadeiras impróprias com um investigado, de quem aceita malas de dinheiro entregues em esquemas sorrateiros. É o Conselho SEM ÉTICA. Igualzinho ao Senador, que continua considerando suas próprias atitudes como aceitáveis… Tenho todo o direito de expressar opinião negativa sobre o Senador porque lhe dei um voto de confiança em 2014…

  3. PEGA NA MENTIRA disse: 24 de outubro de 2017 às 19:36
    Aí está a confirmação da mentira deslavada dos senadores que votaram pra livrar Aécio, bradavam que não estavam salvando Aécio, era uma questão de autonomia do senado que estava em jogo. Aécio seria punido pelos pares. Olha a punição aí Gente!

    COMO ESPERADO.

    1. E certo que faremos isso, caro Edson. Temos que demonstrar ao ex-governador, como mineiros, que não somos como os asseclas do PSICOPATA, que tiveram uma varredura cerebral. Errar e humano, mas perseverar no erro …

  4. PEGA NA MENTIRA disse: 24 de outubro de 2017 às 19:36
    Aí está a confirmação da mentira deslavada dos senadores que votaram pra livrar Aécio, bradavam que não estavam salvando Aécio, era uma questão de autonomia do senado que estava em jogo. Aécio seria punido pelos pares. Olha a punição aí Gente!

    EX CONSELHO DE ÉTICA NÉ?