Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Conselho de Ética instaura processos contra Ricardo Barros e Luis Miranda

PSOL assina representação contra Barros; PTB assina texto contra Miranda
Conselho de Ética instaura processos contra Ricardo Barros e Luis Miranda
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O Conselho de Ética da Câmara instaurou nesta terça (13) processos contra três deputados: Diego Garcia (Podemos-PR), Ricardo Barros (PP-PR) e Luis Miranda (DEM-DF).

O PT assina a representação contra Diego Garcia, que agrediu dentro da Câmara o colega Paulo Teixeira (PT-SP), em maio deste ano. No mesmo dia, Garcia disse: “Se eu tivesse te dado um soco, Vossa Excelência não teria continuado sentado”.

Segundo a representação do PT, Garcia “desferiu um tapa no peito do Deputado Paulo Teixeira”.

O PSOL assina a representação contra o líder do Governo na Câmara, Ricardo Barros. Para o partido, Barros “foi fundamental para o acordo da Covaxin com o Governo Brasileiro”. Mais do que isso, o partido diz que Barros “participou diretamente ou por interpostas pessoas, do começo, do meio e do fim de um processo bilionário eivado de suspeitas e ilegalidades”.

Já o PTB assina a representação contra Luis Miranda. Segundo Roberto Jefferson, que assina o texto, Miranda levou à CPI no Senado “narrativa diversa dos fatos (dos quais ele tem total conhecimento) com o fito de prejudicar o Presidente da República”.

O presidente do Conselho de Ética, Paulo Azi (DEM-BA), ainda vai escolher os relatores das representações. O relator não pode ser do mesmo partido nem do mesmo estado do representado.

Leia maisSilveira recebe apenas “censura escrita” por vídeo em que diz torcer para que militante tome tiro

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO