Conselho de Ética terá cinco dias para decidir sobre caso Aécio

João Alberto Souza, presidente do Conselho de Ética do Senado, disse que tomou conhecimento hoje da representação em desfavor de Aécio Neves.

O senador terá cinco dias úteis, a partir de amanhã, para decidir sobre a admissibilidade ou não do caso.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200