Conselho de Ética vai apurar o cuspe de Jean

O Conselho de Ética da Câmara instaurou hoje o processo que vai apurar a quebra de decoro de Jean Wyllys, que cuspiu em Jair Bolsonaro na sessão do impeachment de Dilma Rousseff, em abril.

Rodrigo Maia foi quem formalizou o pedido ao colegiado.

Faça o primeiro comentário