Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Conselho de Ética vota cassação de Jairinho

O vereador Luiz Ramos, relator do caso, se posicionou a favor da perda do mandato
Conselho de Ética vota cassação de Jairinho
Reprodução

O Conselho de Ética da Câmara de Vereadores do Rio vota nesta segunda-feira (28) a cassação do mandato de Dr. Jairinho, acusado de matar o enteado Henry Borel, de 4 anos, no dia 8 de março.

Para aprovar o parecer do relator, Luiz Ramos, é preciso ter a maioria absoluta dos representantes do conselho, 4 dos 7 votos. O parlamentar se pocionou a favor da cassação.

No relatório, ele cita o homicídio triplamente qualificado de Henry, tortura e agressões contra o menino, além de tentativa de tráfico de influência e uso político em causa própria.

Jairinho e a namorada, Monique Medeiros, estão presos desde 8 de abril.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO