Conselho de igrejas cristãs defende veto a missas e cultos presenciais

Conselho de igrejas cristãs defende veto a missas e cultos presenciais
Foto: Matheus Viana/Pexels

O Conic (Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil) divulgou comunicado nesta segunda-feira, 5, em que se mostra contrário à realização de missas e cultos com a presença de fiéis, registra o Estadão.

A manifestação vai de encontro à liminar de Kassio Nunes Marques que, em uma ação da Anajure (Associação Nacional de Juristas Evangélicos), liberou a celebração presencial em todo o país no auge da pandemia de Covid.

“Evitar deslocamentos, usar máscaras, não realizar aglomerações são atitudes de amor à vida e às pessoas. De nada adianta ir à igreja se desprezamos a vida e o cuidado com as pessoas”, diz a nota do Conic.

“Nosso testemunho de amor precisa se expressar em atitudes. Ficar em casa, usar máscaras, praticar a solidariedade são ações coerentes com o Evangelho e salvam vidas”, acrescentou a entidade.

Leia mais: Pois é, nada mudou da esquerda para a direita.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO