Conselho vota cassação de deputado do provolone na cueca

O processo de cassação a que Celso Jacob responde por quebra de decoro parlamentar será votado pelo Conselho de Ética da Câmara nesta quarta, informa O Globo.

O deputado do MDB fluminense, que cumpre pena por falsificação de documentos públicos e dispensa de licitação, ficou célebre por retornar à Papuda, onde cumpria pena no semiaberto, com dois pacotes de biscoito e um de queijo provolone dentro da cueca.

O processo de João Rodrigues, do PSD-SC, também está na pauta da reunião. O jornal carioca lembra que Rodrigues foi flagrado assistindo a um vídeo pornô no celular durante sessão da Câmara que votou a reforma política, em 2015.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 3 comentários
  1. era só ter dois mandados e tava aposentado com 30 contos por resto da vida.
    muito melhor que ser dono de empresa que as vzs paga todo mundo e tent de pegar financiamento em banco para almoçar