Contra a ordem de Cunha e Renan

Encerra-se às 19h de hoje o prazo dado por Renan Calheiros e Eduardo Cunha para que os manifestantes acampados no Congresso abandonem o local. Os integrantes do Resistência Popular prometem cumprir a ordem apenas nos últimos minutos. Ao contrário do Movimento Brasil Livre, que ameaça enfrentar a ordem dos presidentes da Câmara e do Senado.

Um terceiro grupo, formado por defensores de uma intervenção militar, condicionou a saída à entrega de uma ordem judicial com esta finalidade.

O governador Rodrigo Rollemberg alertou que, se for necessário, usará força policial contra os manifestantes.

Faça o primeiro comentário