"Conveniências políticas não devem se sobrepor à Lei Maior do país", diz Novo

“Conveniências políticas não devem se sobrepor à Lei Maior do país”, diz Novo
Foto: Reprodução/Redes Sociais

A bancada do Novo na Câmara soltou há pouco uma nota contra a possibilidade de Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia buscarem a reeleição nas presidências do Senado e da Câmara, respectivamente.

Segundo o partido, “conveniência políticas” não devem se sobrepor à Constituição brasileira, que veda a recondução para impedir a perpetuação de um grupo no poder.

“Conveniências políticas de ocasião não devem se sobrepor à Lei Maior do país. A vedação à recondução é um mecanismo importante para impedir a perpetuação de um único grupo no poder e garantir a oxigenação do Parlamento.”

E concluiu:

“Pelo respeito ao texto constitucional e pela preservação da estabilidade institucional, os deputados do NOVO esperam que o plenário do Supremo Tribunal Federal cumpra o seu papel de guardião da Constituição e confirme a vedação à recondução dos presidentes da Câmara e do Senado aos seus cargos na mesma legislatura.”

Leia mais: Crusoé é a revista que fiscaliza TODOS os poderes e também mostra os bastidores do jogo político.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 17 comentários
TOPO