CORRA, LAVA JATO, CORRA

Como a compra da cozinha do sítio Santa Bárbara foi feita por executivos da OAS, paga pela empreiteira em dinheiro, com nota fiscal emitida em nome de Fernando Bittar, a Lava Jato precisa fazer uma busca urgente no imóvel.

Antes que a cozinha seja desmontada e levada para outro local.